Zouk | Bachata

Zouk
Zouk é uma dança é comum no Caribe, assim como o merengue. É praticada hoje em todos os continentes, sendo disseminada através de profissionais do mundo inteiro . O zouk é dançado deslocando-se basicamente na cabeça dos tempos musicais (o que muitos professores de dança chamam simplesmente de tempo). Afora algum estilo que utiliza somente a cabeça do tempo, em geral entre as cabeças se marca também no intervalo entre as mesmas, no que é chamado de contratempo (como por exemplo no samba)- marcado com o chamado 1,2. No contratempo, se faz o movimento característico do zouk: uma ginga ou um movimento sinuoso (onda) conhecido como cobrinha.

Com a chegada das vertentes, hoje, o zouk se dança desde uma forma muito lenta a muito rápida, de acordo com a essência musical, mas sempre explorando a sensualidade.

É preciso ter muito cuidado para não confundir a música com a dança. A dança zouk pode ser dançada com diversos ritmos: kizomba, reggaeton, tarraxinha, cabolove, cabozouk, remixes, R&B, hip hop, etc.

O Zouk pode ser dançado no estilo musical kizomba, mas não pode ser confundido com a dança especificamente chamada de kizomba, que é de origem angolana, tendo forte implementação nos países africanos de língua oficial portuguesa. Enquanto o Zouk é uma dança espaçosa, a Kizomba é dançada bem próximo e abraçado.

Bachata
A bachata é um ritmo musical e uma dança originário na República Dominicana na década de 60. Considera-se um híbrido do bolero (sobre tudo, o bolero rítmico) com outras influências musicais como por exemplo o cha-cha-cha e o tango. O cantor dominicano Romeo Santos é considerado o rei da bachata.

O chamado Bolero ritmo latino-americano, nos anos 30 até aos anos 50 faziam as delicias do povo dominicano, e, com esta influência, nasceu a Bachata nos finais da década de 50, no entanto, apenas nos anos 80 teve o seu reconhecimento e foi lançada mundialmente a fim de aumentar o turismo na ilha.

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.